Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Para ouvir...

por Dona das Chaves, em 22.11.11
... em  alto som.




Hoje apetece-me ouvir esta banda, em alto som. (hoje e todos os dias...)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:34

O meu voto é...

por Dona das Chaves, em 14.05.11
Não vi grande coisa do Festival Eurovisão, mas estou a torcer pela canção do Azerbaijão! Já a conhecia da rádio, e é muito bonita, tem um dueto giro, e a
melodia fica no ouvido.
A ver se este ano concordo com o resultado final...



Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:14

Within Temptation - Utopia

por Dona das Chaves, em 21.03.11
Adoro esta música. Espero em Outubro poder ir ao concerto no Pavilhão Atlântico, alguém se candidata a fazer-me companhia? Claro que o Chris Johnes não vem, mas vem os Within Temptation, e isso basta.



Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:04

Boa onda...

por Dona das Chaves, em 12.11.10
Porque eu gosto!

Brandon Flowers - Crossfire


Love the way you lie - Eminem Ft. Rhianna

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:20

Só porque sim...

por Dona das Chaves, em 25.06.10
Esta é a minha música deste Verão...

Lady Antebellum- Need You Now

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:21

Tudo na mesma...

por Dona das Chaves, em 29.05.10
Neste momento decorrem as votações do Festival Eurovisão! Por mim, depois do que referi anteriormente, até acho agora que a canção portuguesa nem está mal, atendendo à qualidade dos outros oponentes. Fora isto, quem não tem vizinhos, como é o nosso caso não se safa. Já se percebeu que isto não passa de ajudar os vizinhos, e nós só temos a Espanha. Para mais, passou a ser o festival da Europa de Leste, atendendo à quantidade de países concorrentes a votarem entre si. De resto, nós nunca teremos hipóteses, não só porque não temos fronteiras com outros países, como não fazemos parte do jogo de interesses. Como se não bastasse vai ganhar a Alemanha com uma concorrente que canta com voz nasalada, não saindo do sítio, com as pernas juntas, flectindo-as como se estivesse afilta para ir ao w.c. Os anos passam, mas no Eurovisão continua tudo na mesma.
( quer-me parecer que todos os votos na Alemanha, para além da vizinhança têm a ver com a cena deste país ter poder ao nível económico e da U.E.)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:46

O que é bom...

por Dona das Chaves, em 24.05.10
... acaba um dia...
A minha banda favorita de todos os tempos, Roxette. Pena que tenham desistido de cantar juntos, embora, ambos mantenham carreiras a solo, mas apenas por terras nórdicas. Deixo alguns êxitos, uns com muitos anos, outro nem por isso.

Never ending love



Never is a long time




Silver Blue



Pena que nunca tenham dado um verdadeiro concerto em Portugal, das poucas vezes que cá estiveram apenas fizeram actuações simples em televisão. Gravaram um video em Portugal, na cidade de Lisboa e em Tróia. Dignos de figurarem no cartaz dos grandes concertos, não tivessem já acabado como banda.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:21

Prémio: não chegas lá...

por Dona das Chaves, em 07.03.10

Alguém viu pelo menos o fim do Festival RTP da Canção? Alguém viu as cenas finais com o público a assobiar? É certo que a moça que venceu não merecia, não tem culpa, mas foi a forma que o público teve para mostrar aquilo que toda a gente percebeu, a música vencedora não tem hipóteses na Eurovisão.
Serei só eu que acho que Portugal nunca vai passar da cepa torta no Festival Eurovisão? Eu não vi o Festival RTP na integra, mas ia dando uma vista de olhos pelas canções concorrentes. Sinceramente, eu pergunto a quem escreve música se não vê o Festival Eurovisão? É que a mim parece-me que não. De entre as 12 canções finalistas, só uma tinha pernas para ser candidata a um lugarejo melhor. Sim eu digo lugarejo, porque nunca ganharemos, principalmente se continuarmos com este panorama. Eu não sei escrever música, mas sei ver o que dá pontos, e parece-me sinceramente que folclore, fado, e música tradicional ou popular, e histórias de amor interrompidas, não são o género que se pretende para a Eurovisão. Basta fazer uma retrospectiva pelos anos anteriores, para ver que tipo de música tem saído vencedora. Fora o ano em que ganhou uma banda heavy, geralmente ganham músicas cheias de ritmo, músicas puxem á dança, ou músicas com um sentimento apelativo à natureza, à história. No ano passado, a escolha foi a errada, devia lá ter ido a "Floribela". Eu não gosto da moça, mas que era a música com mais potencial de sair bem colocada, isso era. Este ano, ainda houve um júri que ao votar, deu a maior pontuação à canção nº 8, justificando que era a mais festivaleira. O público em casa deu o seu acordo e também votou na canção nº 8, mas já não adiantou, a canção vencedora já estava definida. Eu não tenho absolutamente nada contra a Filipa, a miúda canta lindamente, a música é bonita, mas não serve para a Eurovisão. Será que para além dos músicos e letristas, também o júri é escolhido a dedo?
A justa vencedora seria a canção nº 8, por ter ritmo, apelar à dança, e ter uma imagem visual ao género Eurovisão. Assim, meus amigos, não chegamos lá nunca...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:50

Nem sei bem, já foi há muito tempo...

por Dona das Chaves, em 30.01.10
Hoje pus o meu gato a ouvir as músicas daquele que lhe deu origem ao nome, parece que gostou... também ninguém o mandou sentar-se aqui na cadeira do pc... levou com o Rei, a tarde toda.
Eu apesar de ter andado a ouvir o Rei, ando numa de revivalismo dos anos oitenta, ... outra vez... de vez em quando dá-me para isto, voltar aos tempos de garota reguila, no meio de gente crescida. Só tenho pena de não estar com a casa só para mim, para poder ter a música nos décibeis máximos, e poder dançar até me doerem a pernas, até me cansar e cair redonda no chão, mas satisfeita. Apesar de não ter propriamente pertencido aos anos oitenta, vivi mais intensamente esta época que a minha, os anos 90. Não sei se por ter uma irmã mais velha, ou mesmo porque tinha de ser, mas que eu me sinto parte dos anos 80, isso, sinto. Recordo com saudade, os tempos das matinés na sede do rancho folclórico da terra, onde além da música dos discos de vinil, apenas haviam três focos de luz, e uma bola de espelhos a rodar. As matinés, eram aos sábados à noite... já lá vão uns vinte e... uns quantos anitos... mas eu andava sempre atrás da mana, e quando não ia, era amuo certo, mas a mana também precisava ter espaço.
Nessa época, ouviam-se os discos pedidos, na rádio, todos os dias, e assim se andava sempre na moda, sabendo quem eram os grupos e cantores mais populares.
Foi o tempo da "Febre de sábado à noite, e da Laranjina C". Não havia a tecnologia que há hoje, e os jovens encontravam-se em grupos para irem aos bailes ao fim de semana, e à bola aos domingos à tarde, fazendo por vezes 3 kms a pé, para ir ver a bola, brincava-se na rua, mesmo a malta crescida... Hoje já ninguém vai a pé à bola, muito menos aos bailes, a música é efémera, tudo muda de um minuto para o outro, e os jovens são tão diferentes. Hoje os jovens não reconhecem o valor da liberdade que tem, mesmo quando os pais, aqueles que tiveram a sorte de viver nos anos 80, lhes contam como era viver nessa altura, percebem como hoje é tudo tão fácil, e ao mesmo tempo, mais complicado. Apesar da Internet, e toda a tecnologia, que facilita, e ao mesmo tempo afasta as pessoas do contacto directo, já não se pode brincar na rua como antigamente, já não se pedem músicas por telefone nas rádios, e os amigos reúnem-se em torno de conversas no msn, já não se anda de "Famel Zundap... ", nem se sabe o que isso era...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:48

Here and Now!

por Dona das Chaves, em 30.05.09
Sexta-feira estive no Pavilhão Atlântico, no concerto Here and now, the 80's. Simplesmente fantástico! Foi muito bom recordar os grandes êxitos da minha meninice. Dançar e cantar ao som de Kim Wilde, Abc, Rick Astley, Curiosity Killed the Cat, Belinda Carlisle. Os vídeos que fiz, são péssimos, a máquina não é boa, e além de estar longe, estava a dançar :) mas valem pela música que contêm, pelo que vivi, durante 4 horas, recordei a minha meninice. E tão bem que soube.

Fica um video que mais alguém que lá esteve deixou no youtube! E foi um momento mágico, a ovação que se seguiu à bela Kim, que está como o vinho do Porto.



A malta de hoje não sabe o sabor que teve viver nos anos 80.
Se também lá estiveram, deixem a vossa opinião, gostava de saber mais opiniões, se afinal coincidem com a minha, ou não.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:30


O nome desta gaita, não interessa para nada. Interessa apenas aquilo que aqui for postando, dia a dia, ou à noite, tanto faz...Como só tenho um neurónio disponivel, é muito certo que saia asneira de vez em quando, ou quase sempre...

Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2015

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D