Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

blue eyes

O nome desta gaita, não interessa para nada. Interessa aquilo que aqui for postando dia a dia, ou à noite...Como só tenho um neurónio disponível, é muito certo que saia asneira de vez em quando, ou quase sempre...

blue eyes

O nome desta gaita, não interessa para nada. Interessa aquilo que aqui for postando dia a dia, ou à noite...Como só tenho um neurónio disponível, é muito certo que saia asneira de vez em quando, ou quase sempre...

07.Dez.07

Estou possessa...

Dona das Chaves
Não sei o que se passa na cabeça desta gente, as noticias cada dia mais, me põe fora de órbita. Começo a não ter saco para as autoridades e para as instituições que deveriam policiar os casos de menores em risco e não o fazem. Cada dia que passa os telejornais tem novas noticias de negligência, abusos, maus tratos, abandonos. O que se passa com esta gente afinal? Nem os filhos respeitam? Hoje era mais um caso de um menor agredido pelo pai. Parece que a criança já estava referenciada pelas autoridades, é sempre assim, estão referenciados, mas ninguém faz nada, só depois de as crianças serem brutalmente agredidas, violadas, ou maltratadas até à morte. --dasse, que isto parece um país de terceiro mundo. Ainda falam dos países pobres... e afinal, não seremos nós pobres também? Pobres de espírito é certo, mas que não somos um país que se possa dizer desenvolvido, isso é certo. É tão bonito gastar milhões com uma cimeira com África, para fazer bonito junto da UE, quando cá dentro a casa está desarrumada, francamente. Portugal, sempre gostou de se mostrar, de viver de aparências, mas há que arrumar a casa, e não andar a tapar com uma peneira... Recebe-se o Kadhafi, com um séquito de tropas, camelas(sim porque são fêmeas), uma tenda, comida trazida por ele, guarda costas são 16, sendo 7 mulheres, uma limusina enorme blindada, não vá ninguém querer por cá assassinar tal figurão... Depois vem o Mugabe, que merecia enforcado antes de ter saído da terra dele... não que eu tenha maus fígados, desejar tal coisa ao homem, mas a crise humanitária do Darfur, e os massacres, são um bom indicio daquilo que ele merece. E o nosso primeiro ministro cheio de sorrisinhos, para parecer aquilo que é... A tentar ajudar fora, sem olhar para o que tem dentro de "portas". Quando é que os nosso "desgovernates" olham para dentro de portas e percebem de uma vez, que isto tem de mudar por completo? Ainda bem que eu, estou a adiar meter-me na política, porque se o fizer, vou durar muito pouco. Não me vão aguentar, e de certeza que terei uma morte misteriosa, se meto na política, mas que vão ouvir das boas, isso ouvem de certeza.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.