Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

blue eyes

O nome desta gaita, não interessa para nada. Interessa aquilo que aqui for postando dia a dia, ou à noite...Como só tenho um neurónio disponível, é muito certo que saia asneira de vez em quando, ou quase sempre...

blue eyes

O nome desta gaita, não interessa para nada. Interessa aquilo que aqui for postando dia a dia, ou à noite...Como só tenho um neurónio disponível, é muito certo que saia asneira de vez em quando, ou quase sempre...

24.Jul.09

Saberão a pouco...

Dona das Chaves

Ando cansada (sim andamos todos) da marmita. As ideias em desalinho e o neurónio fez curto-circuito. Não há paciência para ninguém, e se pudesse emigrar para uma ilha deserta só com o neurónio, eu ia. Não há coerência nas minha palavras, nas minha ideias tudo está em constante mutação, e já nem sei o que é ser eu mesma. Se me pudesse camuflar e ficar escondida algures, eu escondia. Actividades simples do dia a dia, parecem tarefas estranhas e elaboradas com a lentidão de uma tartaruga na reforma. Decididamente eu preciso mesmo de férias, e não são só cinco dias... e não não quero férias no fim de Agosto, ou da maneira que o neurónio está, ainda vou para a vindima para ganhar uns trocos em vez de descansar... eu não sabia no que me estava a meter quando me trocaram o lugar, oh santa ingenuidade. Só quero que chegue amanhã às 17:30, hora da liberdade.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.