Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

blue eyes

O nome desta gaita, não interessa para nada. Interessa aquilo que aqui for postando dia a dia, ou à noite...Como só tenho um neurónio disponível, é muito certo que saia asneira de vez em quando, ou quase sempre...

blue eyes

O nome desta gaita, não interessa para nada. Interessa aquilo que aqui for postando dia a dia, ou à noite...Como só tenho um neurónio disponível, é muito certo que saia asneira de vez em quando, ou quase sempre...

24.Nov.11

Um anjo visitou-me...

Dona das Chaves
Não sei o que me espera nos próximos tempos. Consegui que uma parte do meu passado recente levasse um bilhete só de ida para o báu dos casos terminados. Consegui uma serenidade interior a nível emocional e afectivo que espero se mantenha por bom tempo. Não posso explicar o que aconteceu e que levou a este estado de alma, mas posso dizer que por vezes alguém nos dá a mão e nos leva sem pressas, por caminhos que nos conduzem onde deveríamos estar. Foi o que me aconteceu, e (...)
03.Mar.08

No gume da espada

Dona das Chaves
Tantas vezes me pergunto porque o fizeste, outras tantas porque aceitei o teu pedido? Achei que ia lidar com isso como gente grande, e afinal os fantasmas estavam cá todos, à espera de um deslize. Fizeste despoletar o cadeado que mantinha o alçapão fechado. Uma vez aberto, saíram para me perseguir, não me deixando mais, fazer uso da razão. Perdi todo e qualquer discernimento no (...)
23.Set.07

Emoções

Dona das Chaves
Ultimamente ando um pouco mais calma. Aquele sufoco está mais atenuado, mas a razão tem ajudado. Voltei ao tempo da razão, sem emoção. E assim vai ser daqui para a frente, que é como nunca deveria ter deixado de ser. Se eu não tivesse deixado a razão de lado, e seguido as emoções, agora estaria certamente melhor do que estou hoje, mas os erros servem-nos de lição, e eu aprendi que para mim só vale a razão. Sempre fui mais racional, que emocional, e se não me dei bem, com a (...)
22.Jul.07

Pensar demais...

Dona das Chaves
Um dos meus grandes defeitos é pensar demasiado. Acho que é um defeito, pois, a maioria das vezes só me faz complicar as coisas. Se o assunto envolve, trabalho, tento que saia algo de bom, agora se entro na esfera do campo das relações pessoais, mais estreitas, ui, sai merda na certa. Nesse campo, sou um autêntico afundanço, a minha auto-estima, anda sempre por baixo, e quando começo a pensar nas coisas, nunca penso no lado positivo, vejo sempre tudo pelo lado menos bom da coisa, e (...)
01.Mai.07

Razão - emoções

Dona das Chaves
Há tempos atrás alguém me perguntou porque é que eu não acreditava que as coisas boas também me podiam acontecer? Porque é que eu não me deixava levar pelas emoções, e deixava de ser tão racional? Pois bem, precisamente porque, quando acredito, quando me deixo levar pelas emoções, nunca nada dura muito tempo. Nem as coisas boas, nem as emoções, me tem trazido felicidade que dure mais que um momento. Dessa vez acreditei, deixei-me levar pelas emoções, e estava já (...)